DE MACURURÉ NA BAHIA PARA O MUNDO!

quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

Paulo Afonso registra dois acidentes na manhã desta quinta (5) com vítimas em estado grave

Paulo Afonso registra dois acidentes na manhã desta quinta (5) com vítimas em estado grave
Dois acidentes de trânsito com vítimas graves foram registrados em Paulo Afonso, na manhã desta quinta-feira, dia 5. Os acidentes ocorreram num intervalo de menos de 2 horas, entre 7h e 9h.

O primeiro registro foi feito por volta das 7h, envolvendo um carro tipo Jetta e uma mulher que estava a pé na rodovia BA-210 em frente ao Aeroporto de Paulo Afonso.

Segundo as primeiras informações, o motorista do carro atropelou a vítima em seguida colidiu com um poste de energia elétrica que fica às margens da pista.

Acidente em frente ao Aeroporto de Paulo Afonso. Foto: Redes sociais
A Polícia Militar registrou a ocorrência e uma equipe do SAMU 192 foi acionada e conduziu a mulher em estado grave ao Hospital Nair Alves de Souza (HNAS). A vítima reside no Bairro Seriema.

O segundo acidente aconteceu aproximadamente uma hora e meia depois, por volta das 9h. O Gtran (Agentes de Trânsito) atendeu a ocorrência no centro da cidade, na Avenida José Hemetério de Carvalho e envolveu mais um carro e uma senhora.

Acidente na Av. José Hemetério de Carvalho, no Centro de Paulo Afonso. Foto: Redes sociais
Acidente na Av. José Hemetério de Carvalho, no Centro de Paulo Afonso. Foto: Redes sociais
A vítima que ainda não foi identificada tentava atravessar a avenida pela faixa de pedestre que fica em frente ao Posto Médico quando foi atropelada pelo veículo.

Ferida, a mulher foi resgatada pela unidade do SAMU 192 e levada para o Hospital Nair Alves de Souza. As duas mulheres estão sendo atendidas na emergência do HNAS.



Acidente em frente ao Aeroporto de Paulo Afonso. Foto: Redes sociais
OZILDO ALVES


Lula, Dilma e Palocci são absolvidos no caso do ‘quadrilhão do PT’

Lula, Dilma e Palocci são absolvidos no caso do ‘quadrilhão do PT’
O juiz Marcus Vinicius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal Criminal do Distrito Federal, absolveu nesta 4ª feira (4.dez.2019), sumariamente, os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff  no processo que investiga o chamado “quadrilhão do PT”. Eis a íntegra da decisão.


© Sergio Lima/Poder360 O ex-presidente Lula era acusado de ser líder do chamado

Também foram absolvidos no caso: os ex-ministros Antonio Palocci e Guido Mantega; e do ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto.
Em 17 de outubro, o MPF (Ministério Público Federal) havia se manifestado pela absolvição dos réus. Eles foram acusados pelo crime de organização criminosa.
O juiz de Brasília escreveu em sua decisão que não houve dolo nas ações narradas na denúncia, oferecida em 2017 pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, e concluiu que “a denúncia apresentada, em verdade, traduz tentativa de criminalizar a atividade política”.
“A inicial acusatória alonga-se na descrição de inúmeros ilícitos penais autônomos sem que revele a existência de estrutura ordenada estável e atuação coordenada dos denunciados”, escreveu.
De acordo com a acusação, Lula teria tido participação em esquema de propinas que proporcionou R$ 1,48 bilhão à cúpula do PT de 2002 a 2016.
Ainda segundo a denúncia, as vantagens ilícitas teriam sido pagas em contratos da Petrobras, do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento), Ministério do Planejamento e outros órgãos da administração pública durante os governo de Lula e Dilma.
Segundo Janot, Lula não só teria participado, mas “foi o grande idealizador da constituição da presente organização criminosa”, exercendo influência sobre Dilma quando deixou a Presidência.

DEFESA COMEMORA

No Twitter, o advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins, comemorou a decisão dada por 1 juiz, segundo ele, “imparcial”. Ele ainda fez críticas ao powerpoint usado pelo Ministério Público Federal para explicar as acusações contra Lula.
“Perante 1 juiz imparcial, conseguimos hoje a absolvição sumária de Lula. O magistrado de Brasília indicou a ‘tentativa de criminalizar a atividade política’ pela descabida acusação que ficou conhecida como ‘quadrilhão’ – que faz parte do Lawfare contra Lula”, disse Zanin.



Também no Twitter, a assessoria de Lula comemorou a absolvição: “Cai a farsa do ‘quadrilhão’, que Dallagnol usou de base do Power Point e Moro nas farsas judiciais contra Lula”.

© Fornecido por Poder360

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Mãe e bebê mortos durante parto em hospital de Paulo Afonso são enterrados sob pedidos de justiça

Mãe e bebê mortos durante parto em hospital de Paulo Afonso são enterrados sob pedidos de justiça
Sob muita comoção e pedidos de justiça, os corpos de Edilane Rocha da Silva, de 28 anos, e o do seu bebê foram enterrados por volta das 10h da manhã desta terça-feira (3), no cemitério do povoado Barriga, distante 35 km do centro de Paulo Afonso (BA).

Lane, como era popularmente conhecida, já era mãe de dois filhos e estava com nove meses e dez dias da gestação do terceiro filho, mas infelizmente ela e o bebê morreram na tarde desta segunda-feira (2) durante o trabalho de parto após ser internada no domingo, dia 1º de dezembro, no Hospital Nair Alves de Souza, em Paulo Afonso, Bahia.

De acordo com informações da mãe da vítima, dona Edilene Rocha, sua filha estava indo ao Hospital Nair desde a última quinta-feira (28) para ter o neném, mas não conseguia ser internada. No domingo (1°), retornou ao local e finalmente conseguiu a vaga. No entanto, na tarde de ontem (2), por volta das 14 horas, ela veio a óbito. Lane morava no Bairro Tancredo Neves (BTN).

Logo após as mortes da mãe e do bebê, imagens das vítimas compartilhando do mesmo caixão vídeos com relato de dona Edlene logo se espalharam nas redes sociais gerando comoção, mas também muita revolta entre a população.

Apesar de toda a repercussão do caso, a diretoria da Chesf – Companhia Hidroelétrica do São Francisco que é a responsável pela administração do hospital, ainda não se manifestou oficialmente  sobre o caso.
Edilane Rocha da Silva tinha 28 anos e esperava o terceiro filho. Foto: Ilha FM/Cortesia/PA4
Relato do esposo de Edilane e pai do bebê. Foto: Ilha FM

Logo após o sepultamento, uma equipe da Rádio Web Ilha FM foi até a residência da família e ouviu a mãe e o esposo de Lane. Ao lado dos dois filhos agora órfãos de mãe, o marido pediu justiça e revelou que tinha sonhos a realizar com sua companheira:

“Eu tinha bastante sonho com a minha esposa, um erro médico no hospital de Paulo Afonso que aconteceu deixou essas duas crianças aqui para mim criar. Eu levei a minha esposa domingo para o hospital, viva. Aí botaram remédio nela, aí ela veio a essa situação aí (óbito) e agora eu estou aqui com essas minhas duas crianças aqui para saber o que é que eu faço da minha vida. Eu quero justiça!”, disse.

Em outro vídeo que circula nas redes sociais, a mãe da vítima, dona Edilene relatou como foram agonizantes os últimos minutos ao lado da filha a espera do parto no hospital.

“Eu disse, doutor faça um cesário (parto cesariano), ela não vai ter (normal) esse menino, um menino com quatro quilos, ela fez a ultrassom, aí ela (a enfermeira) botou o soro, quando ela deu as costas, ela (filha) disse – mãe eu estou passando mal, eu não estou sentindo dor mas estou passando mal, não estou enxergando mais, eu estou cega mãe, aí eu gritei e ela (enfermeira) voltou e disse – é normal, toda mulher que vai parir dá eclampse – aí eu disse – não é normal não doutora, que minha filha estava branca e agora está ficando roxa, e ela (filha) apertando a minha mão, aí eu disse – doutora (enfermeira) chame um médico, aí ela viu que eu estava certa e gritou – chega doutor, chega doutor!, ele chegou correndo bota o oxigênio, botaram, aí ficaram mexendo pra lá e pra cá e eu vendo que ela estava morrendo e eu – doutor a menina está morrendo!, e ele ficou só assim olhando – você sabe de nada, você é médica?, aí eu disse assim – mas eu já parir foi nove doutor, eu sei como é a dor de parir, ela está é morrendo e ele – não tá, não tá!, aí botaram a menina na cama e saíram correndo, eu correndo atrás também, só que quando chegou na porta aí não deixaram eu entrar mais e eu não vi mais nada.”

Amigos e familiares protestaram com pedidos de justiça durante o sepultamento. Foto: Ilha FM
Corpos da mãe e do bebê são sepultados no cemitério do povoado Barriga. Foto: Leitor PA4
OZILDO ALVES

Grupo é preso ao tentar embarcar da Bahia para São Paulo com malas de dinheiro; homens são suspeitos de furto a banco

Grupo é preso ao tentar embarcar da Bahia para São Paulo com malas de dinheiro; homens são suspeitos de furto a banco
Seis homens foram presos na manhã deste domingo (1º), no aeroporto Internacional de Porto Seguro, no sul da Bahia, ao tentarem embarcar com malas que tinham dinheiro em espécie. As informações são das Polícias Federal e Militar da Bahia.
De acordo com a Polícia Federal, os homens tinham o objetivo de deixar a Bahia com destino a São Paulo. O valor achado nas malas não foi detalhado.
A Polícia Militar informou que os presos são suspeitos de participarem do furto à uma agência do Banco do Brasil de Teixeira de Freitas, ocorrido na última sexta-feira (29).
Conforme apontam as investigações, os homens são integrantes de uma quadrilha de roubo a banco e passaram a ser monitorados pelas forças estadual e federal após o furto em Teixeira de Freitas.
Segundo o comandante da Cipe Mata Atlântica, major Ronivaldo Pontes da Silva, no dia do furto à agência em Teixeira de Freitas, o grupo conseguiu desarmar o sistema de alarme da agência e levar o dinheiro. Nenhuma vítima foi abordada ou ferida na ação.
No dia do furto, os assaltantes chegaram à agência durante a madrugada. Segundo a polícia, foram encontradas diversas ferramentas espalhadas pela agência, além de cofres abertos e vazios.
A quadrilha e o dinheiro recuperado foram encaminhados para unidade policial de Teixeira de Freitas. Participaram do trabalho integrado equipes da Cipe Mata Atlântica, do 8° BPM (Porto Seguro) e da Polícia Federal.

CHICO SABE TUDO

terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Mulher e bebê morrem durante parto no Hospital Nair Alves de Souza, família está desolada; em Paulo Afonso na Bahia; VÍDEO

Mulher e bebê morrem durante parto no Hospital Nair Alves de Souza, família está desolada; em Paulo Afonso na Bahia; VÍDEO
Grávida de 9 meses e 10 dias, Edilane Rocha da Silva, de 28 anos, que já era mãe de dois filhos, morreu na tarde desta segunda-feira (2) durante um procedimento de parto, após ter sido internada no Hospital Nair Alves de Souza, em Paulo Afonso, Bahia. Familiares das vítimas estão desolados.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, a mãe da vítima, dona Edilene Rocha, aparece bastante angustiada e chorando muito com a perda da filha e do neto.  “É muita tristeza ver sua filha morrer e não poder fazer nada, ela apertando minha mão, quando ela soltou minha mão ela já estava morta, eu tenho certeza que ela já estava morta.”

De acordo com o relato da mãe, a filha foi ao menos quatro vezes para hospital para poder fazer o parto: “Foi quinta, foi sexta, foi sábado, domingo, depois que já tinha passado.”, disse a mãe.

Ao lado do caixão com os corpos da filha e do netinho, dona Edilene clamava e pedia para criar os dois netos: “Meus dois netinhos sem mãe, só o pai, não tirem os netos de mim não pelo amor de Deus, eu quero criar eles.”


Vídeo:



Ozildo Alves e Redes Sociais

segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Polícia aborda dupla em moto e encontra drogas na bolsa de passageiro em Chorrochó- BA

Polícia aborda dupla em moto e encontra drogas na bolsa de passageiro em Chorrochó- BA
Um homem identificado como José Henrique dos Santos foi preso com uma porção de maconha no início da tarde de domingo (01), por volta das 12h40min, em um trecho da BA-210, que liga a cidade de Chorrochó- BA. Após abordagem em uma moto, a droga foi encontrada.
Segundo as informações, uma guarnição da Polícia Militar seguia pela rodovia quando avistou dois homens em uma motocicleta, em atitude suspeita.
Os militares realizaram a abordagem e na busca pessoal localizaram 01 porção de maconha (200g) dentro de uma bolsa que estava com o suspeito, passageiro da motocicleta. Já com o condutor nada foi encontrado.
De acordo com a PM, os militares seguiram até a casa do suspeito e no local apreenderam uma balança de precisão.
Os envolvidos foram levados para a delegacia de polícia da cidade de Paulo Afonso, onde foram adotadas as medidas cabíveis. 

FONTE: Chico Sabe Tudo

domingo, 1 de dezembro de 2019

Homem invade Bar de Lésbicas, Gays e etc e etc, tenta matar dona e agride clientes na Bahia: “DISSE QUE IRIA MATAR OS GAYS”

Homem invade Bar Lésbicas, Gays e etc e etc, tenta matar dona e agride clientes na Bahia: “DISSE QUE IRIA MATAR OS GAYS”
A noite que seria de alegria por pouco não termina em tragédia no Espaço Cultural Caras & Bocas, voltado para o público LGBTQIA+ na Rua Carlos Gomes, em Salvador. Na madrugada deste domingo (01) Edson Oliveira Lima Macedo invadiu o espaço, destruiu o bar e agrediu as pessoas. Na sequência, ele ainda tentou invadir o bar Âncora do Marujo, também voltado para o público LGBTQIA+ na mesma rua, onde também entrou em vias de fato com artistas e clientes. Segundo as vítimas do ataque, Edson é conhecido por brigar durante consumo em ambientes LGBTQIA+.

A confusão começou dentro de um ônibus que fazia linha para a Barra na altura da Calçada onde o veículo foi rendido por Edson. Além do motorista e a cobradora, havia apenas três passageiros, entre eles o Dj Hebert Almeida, 20. “Ele entrou sereno e segurava um saco quando, do nada, começou a gritar, dizendo que ia matar os gays e olhou pra mim e disse:’você é viado e vai morrer’. Do nada, tirou um paralelepípedo do saco e jogou contra uma das janelas do ônibus que quebrou. Os estilhaços atingiram o meu rosto”, contou o dj.

Segundo Hebert, o motorista ficou desnorteado com a pedrada e o ônibus chegou a ficar desgovernado. “Por pouco não aconteceu uma tragédia. Com o barulho, o motorista perdeu o controle e o ônibus raspou parte da lateral numa parede, ocasião que rapidamente ele conseguiu estabilizar o veículo”, disse o rapaz.

Ainda de acordo com ele, todos do ônibus estavam apavorados e Edson obrigou o motorista a parar o veículo na frente ao Espaço Cultural Caras & Bocas, na Rua Carlos Gomes.

Em seguida, Edson entrou no espaço e começou a destruir mesas, cadeiras e estruturas. A drag queen Valerie O’rarah, que se apresentava no momento do ataque, foi agredida pelo homem. “Ele quebrou garrafas e queria furar a gente. Dizia que só sairia com a chegada do deputado Isidório”, contou O’rarah.

Instantes depois uma das proprietárias do bar, Alexsandra Leitte, foi feita refém pelo agressor. “Ele pegou minha esposa pelo cabelo e começou a dizer que ia matar ela. Ele arrastou ela pelos cabelos pela escada abaixo e jogou ela na frente do ônibus. A sorte foi que o ônibus parou. Conseguimos parar uma viatura e ele tentou entrar no Âncora do Marujo”, relatou ao Me Salte a empresária Rosy Silva, também proprietária do bar.

Durante o ataque, Alexsandra levou do agressor uma mordida no braço direito, além de vários hematomas.

O caso foi registrado na Central de Flagrantes, no Iguatemi. As vítimas foram interrogadas pela delegada Cinara Moraes. O CORREIO procurou a Polícia Civil, para saber se o agressor permanecerá custodiado, mas até agora não houve resposta. As vítimas relataram que ele foi ouvido e liberado.

“Ele jogou pedras em um carro de uma mulher LGBT que é motorista de carro por aplicativo. É muito triste isso especialmente porque temos a informação de que ele é um homem gay. Ele ficava gritando dizendo que iria matar todos os ‘viados e sapatões’”, destacou Rosy.

Apesar de não conhecer Edson, Rosy disse que ele é tem três ocorrencias na Central de Flagrantes ataques a estabelecimentos do seguimento LGBTQIA+. “A delegada disse que em todas as três ocorrências, ele procurou brigou após recusar pagar as contas”, contou.

Além dos estragos físicos e emocionais, o casal de empresárias tive prejuízos financeiros causados por Edson. “A casa está fechada. Ele quebrou tudo. Ainda não pude calcular a dimensão do estrago. Para se ter uma ideia, tive pessoas contratas e fornecedores que não pude pagar. Já tivemos outros ataques ao centro cultural, mas não como esse”, declarou Rosy. Em janeiro de 2018, na noite de inauguração do atual endereço, o estabelecimento foi alvo de ataques homofóbicos. Na ocasião foram lançados quatro grandes sacos com pedras de gelo além de pedaços de pedras causando pânico nos clientes.




OZILDO ALVES


Comunicado da CBF sobre Palmeiras x Flamengo pelo Brasileirão 2019

Não haverá a venda de ingressos para a torcida do Flamengo para a partida a ser disputada no próximo dia 01 de dezembro
A CBF sempre respeitará decisões embasadas provenientes de autoridades responsáveis, como o Ministério Público do Estado de São Paulo e a Polícia Militar do Estado de São Paulo

A CBF vem a público informar que, por recomendação do Ministério Público do Estado de São Paulo, amparada em requerimento formulado pela Polícia Militar daquele Estado, não haverá a venda de ingressos para a torcida do Flamengo para a partida a ser disputada no próximo dia 01 de dezembro, entre a Sociedade Esportiva Palmeiras e o Clube de Regatas do Flamengo.
Embora seja contrária à realização de partidas de futebol com torcida única, a CBF, sempre a favor da integridade física dos torcedores, mas preocupada com o equilíbrio esportivo, responsabilidade institucional e compromissos econômicos decorrentes, se viu compelida, em caráter excepcional, a acatar a recomendação em questão, em razão do grave temor manifestado pelos órgãos de segurança pública de São Paulo quanto à possibilidade de enfrentamentos violentos entre torcedores das duas equipes.
De qualquer forma, a CBF não pode deixar de consignar que, a despeito de risco similar, as autoridades públicas do Rio de Janeiro não obstruíram a presença dos torcedores palmeirenses na partida disputada no primeiro turno, o que permitiu que o Clube de Regatas do Flamengo efetuasse a venda de 4.000 ingressos à torcida do Palmeiras na ocasião.
A CBF sempre respeitará decisões embasadas provenientes de autoridades responsáveis, como o Ministério Público do Estado de São Paulo e a Polícia Militar do Estado de São Paulo, mas enfatiza que a adoção da torcida única afeta direitos de terceiros, que vão desde os patrocinadores, passando pelos telespectadores e atingindo, principalmente, os torcedores.


Menina escreve carta para o Papai Noel e pede cadeira de rodas para a irmã na BA: 'Ficaria muito feliz'

Menina escreve carta para o Papai Noel e pede cadeira de rodas para a irmã na Bahia: 'Ficaria muito feliz'

Emanuele mora em Feira de Santana e chegou a fazer tratamento nos hospitais Sarah e Santo Antônio, em Salvador, mas não tem acompanhamento médico há dois anos.


Uma menina de 11 anos, que mora em Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador, escreveu uma carta para o Papai Noel fazendo um pedido diferente. A garota pediu uma cadeira de rodas para a irmã, que tem paralisia cerebral.



Ana Vitória escreveu a carta na escola em que ela estuda para a campanha Papai Noel dos Correios.


Emanuele chegou a fazer um tratamento nos hospitais Sarah e Santo Antônio, em Salvador, mas não tem acompanhamento médico há dois anos. A família da adolescente não tem condições de pagar pelos serviços hospitalares e as fraudas usadas pela menina são doadas por uma igreja.

Ana Vitória pediu uma cadeira de rodas para a irmã — Foto: Reprodução/TV Subaé

Emanuele passa o dia deitada em um colchão que fica na sala da casa da família. "Estamos sem cama, porque a cama quebrou, aí ela dorme nesse colchão e a irmã dorme com ela, a Heloísa. Eu estou vendo para comprar outra cama para ela", disse Lucinete Pereira.
"Ela é uma pessoa doce, uma pessoa muito doce, carinhosa, gentil. Sabe agradecer tudo que as pessoas fazem. Quando eu falei da cadeira de rodas ela me deu um abraço, porque ela sabe agradecer. Não é igual aquelas pessoas que você dar e não recebe de volta", disse emocionada, Ana Vitória.
"Ela me dá carinho e o meu presente é o carinho dela", disse.
Emanuele tem paralisia cerebral — Foto: Reprodução/TV Subaé
G1 BAHIA

sábado, 30 de novembro de 2019

Rose, companheira de Gugu, questiona: ‘Por que você foi para lá?’

Rose, companheira de Gugu, questiona: ‘Por que você foi para lá?’
Ao chegar perto do caixão, Rose se emocionou muito e disse: “Por que você foi para lá? O que você tinha que fazer lá? Estava tudo certo para a gente voltar, estava tudo bem”, desabafou sobre o corpo do apresentador, segundo o G1. João Augusto, filho mais velho de Rose e Gugu, amparou a mãe neste momento. 






Desembargadora presa está preocupada com conteúdo de celular, diz site

Desembargadora presa está preocupada com conteúdo de celular, diz site
A desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, presa hoje na Operação Faroeste, ligou para funcionários do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) para saber se um celular apreendido pela Polícia Federal teve o conteúdo apagado.
Suspeita de participar de esquema de venda de sentenças para grileiros do oeste baiano, a ex-presidente do TJ-Ba foi afastada na semana passada, na primeira fase da operação.
A ligação para os funcionários ocorreu depois, quando ela estava proibida de qualquer comunicação com eles e de utilizar qualquer serviço do tribunal. Para a Polícia Federal, o contato era uma aparente tentativa de destruir provas.
Para fazer a ligação telefônica, ela usou um celular de seu genro, Márcio Duarte Miranda, advogado investigado no mesmo esquema. O telefone dele estava interceptado.
As informações são do site O Antagonista.



SEGUIDORES DO BEIRA RIO NOTÍCIAS