DE MACURURÉ NA BAHIA PARA O MUNDO!

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

JUSTIÇA ELEITORAL DETERMINA QUE CANDIDATOS REGULARIZEM PROPAGANDAS ELEITORAIS

Na blitz realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) no último dia 25 sobre irregularidades praticadas por candidatos a cargos eletivos em Salvador, as principais observações dizem respeitos às propagandas eleitorais. O relatório das operações feitas pela Comissão de Fiscalização da Propaganda foi publicado no Diário da Justiça Eletrônico nesta quarta-feira (31).

A juíza eleitoral Cenina Maria Cabral Saraiva determinou a notificação dos vereadores e candidatos à reeleição Trindade (PSL) e Sílvio Humberto (PSB) para que regularizem suas propagandas irregulares. Por uma imagem em tamanho maior do que o permitido, o candidato Paulo Magalhães Júnior (PV) também foi acionado pelo Judiciário. A mesma irregularidade foi constatada em propaganda do candidato Aleluia (DEM).
A Justiça Eleitoral também recebeu denúncias por meio do aplicativo Pardal. Uma delas aponta propaganda eleitoral irregular, que seriam faixas afixadas em várias localidades do bairro de Luís Anselmo, onde é possível observar agradecimentos a pessoas que atualmente são candidatos. Neste caso, a determinação de regularização foi direcionada ao vereador Beca (PPS) e ao prefeito ACM Neto (DEM).

Até esta quarta, o sistema Pardal já registrava 263 denúncias feitas por cidadãos, sendo Salvador a cidade com maior número de registros: 71. 
Por Aparecido Silva
Postar um comentário

SEGUIDORES DO BEIRA RIO NOTÍCIAS