DE MACURURÉ NA BAHIA PARA O MUNDO!

DE MACURURÉ NA BAHIA PARA O MUNDO!

terça-feira, 6 de setembro de 2016

PAULO AFONSO: 'CHEFE' DA QUADRILHA QUE TOMBOU É O MESMO QUE FOI 'SALVO' PELA POLÍCIA (ENTENDA)


Sidney 'Mosca' seria assassinado enquanto estava em audiência no fórum de Delmiro Gouveia, porém ação da polícia foi mais rápida.
A polícia divulgou esta semana que o chefe da quadrilha que tombou em confronto na última terça-feira (30), era liderada pelo jovem Sidney de Oliveira Andrade, o ‘Mosca’. Ele é o mesmo que foi ‘salvo’ em uma ação policial realizada no dia 18 de maio desse ano que culminou com a prisão de quatro pauloafonsinos. O quarteto planejava matar ‘Mosca’ dentro do fórum de Delmiro Gouveia, uma vez que o mesmo estava em audiência.

‘Mosca’ era rival do bando e teria vindo de Paulo Afonso – BA para Delmiro Gouveia – AL, no intuito de fugir dos familiares de um homem que ele era acusado de ter assassinado. Informações apuradas pelo portal Radar 89, dão conta que um dos presos identificado como Vanderlan teria planejado vingar a morte do seu irmão.

A polícia teria tomado conhecimento do plano, através do próprio ‘Mosca’, antes da audiência, ele teria alertado aos policiais que poderia ser morto a caminho ou até mesmo dentro do fórum.

De posse das informações. Os comandantes da 24ª – Área Integrada de Segurança Pública (24ª-AISP), delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti e o tenente-coronel Joáz Fontes montaram um cerco e conseguiram desarticular o bando que estava em frente ao fórum em um veículo Astra de cor prata e placa IAH-6027/BA.

As quatros pessoas foram presas e encaminhadas para Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia, onde até hoje cumprem pena no presídio do Agreste em Girau do Ponciano – AL.

Já o ‘Mosca’ que foi liberado pela justiça no dia em que poderia ser assassinado. Após a decisão, o mesmo iniciou a praticar vários crimes e teria formado a quadrilha que estava atuando em diversas cidades do sertão de Alagoas e Bahia.

O paradeiro de ‘Mosca’ é desconhecido; se alguém tiver informações que possam ajudar a polícia encontrar o acusado, denuncie através do (181), seu anonimato será garantido.


Redação
Por Ítallo Timóteo | radar89.com.br
Postar um comentário

SEGUIDORES DO BEIRA RIO NOTÍCIAS